Bancada do AM antecipa R$ 116 mi em emendas para combate à Covid-19

Michelle Portela

BRASÍLIA – A bancada federal do Amazonas no Congresso Nacional destinou R$ 151 milhões em emendas impositivas para o Sistema de Saúde Único (SUS) no Amazonas, dos quais R$ 116 milhões devem ser exclusivamente aplicados no combate à pandemia do novo coronavírus – Covid-19 – em todo o Estado.

Os recursos foram liberados final de março, prazo antecipado para atender ao estado de calamidade pública decretado no país. Pelas regras em regime de normalidade, as emendas de bancada de caráter impositivo deveriam ser pagas obrigatoriamente até o dia 31 de dezembro.

A aplicação dos recursos será realizada pela Secretaria de Estado de Saúde (Susam) em áreas estratégicas para o Estado.

O presidente da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado,  Omar Aziz (PSD), disse que a bancada do AM está empenhada para enfrentar a crise.

 “É obrigação dos parlamentares da bancada do Amazonas trabalhar para solucionar os problemas de saúde pública enfrentados no nosso Estado em todo o país”, disse Aziz.

Entre os representantes do Amazonas no Senado, Plínio Valério (PSDB) ressaltou o envolvimento dos parlamentares em apoio aos prefeitos e governadores. “Além das emendas, estamos prontos a colaborar e votar todas a matérias que possam reforçar o caixa da saúde”, disse o senador.

O deputado federal Bosco Saraiva (Solidariedade/AM) indicou R$ 18 milhões de recursos individuais para compor a bancada. “Confiamos que o Estado seja capaz de usar os recursos de acordo com a necessidade de cada localidade, para atender às especificidades e demandas de cada município”, explicou.

Marcelo Ramos, parlamentar pelo Partido Liberal (PL), indicou R$ 53,7 milhões para compor o recurso da bancada. “De minha parte, sigo trabalhando com medidas mitigadoras, com a destinação de emendas para saúde no interior, com foco dos recursos para a Atenção Básica de Saúde e projetos de ‘Auxílio-covid1’, além de uma série de leis que ajudei a aprovar, como a que destina recursos da merenda escolar para a alimentação dos alunos”.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

VOLTAR PARA O TOPO