Aceleração da transformação digital na Amazônia Ocidental é tema de palestra em Manaus

Da Revista Cenarium*

MANAUS – O ecossistema de inovação da Amazônia Ocidental recebe, entre os dias 24 a 28 de agosto, a Semana da Indústria 4.0, promovida pelo CITS Amazonas como parte das ações de lançamento do Programa Prioritário de Indústria 4.0 e Modernização Industrial.

O tema é Aceleração da Transformação Digital no ecossistema da Amazônia Ocidental e será dividido em 5 eixos principais: a Indústria 4.0 e seu poder de transformação; tecnologias habilitadoras; desafios de se fazer PD&I na Amazônia; Liderança, Competências e habilidades 4.0; e, Novos Negócios & Investimentos.

A série de webinars tem como estratégia principal envolver todo o ecossistema local de inovação em um evento master, com participação ativa dos principais stakeholders, como SUFRAMA, empresas, institutos de pesquisa, academia, startups, além de órgãos de fomento.

“Entendemos que o PPI4.0 é um projeto de todo o ecossistema e, para seu lançamento, priorizamos ter toda a cadeia de inovação envolvida, por isso, os eventos online e não presencial”, explica Rafael de Tarso, Gerente de Inovação e Novos Negócios do CITS.

Exceto o webinar de lançamento oficial do Programa Prioritário de Indústria 4.0 e Modernização Industrial (PPI4.0), no dia 24, a programação é dividida em dois blocos: o Inspiration talk, com uma palestra magna de inspiração de grandes empresas brasileiras que estão mais avançadas na implementação da transformação digital, como Bosch, Flex e Electrolux.

Além de estudos recentes sobre skills necessários para este novo mundo e as tecnologias habilitadoras deste modelo; e o Ecosystem talks, uma rodada debates envolvendo profissionais da região, de empresas, institutos, academia, startups entre outros que, com suas experiências, promovam uma discussão sadia de como fomentar a cadeia de inovação e transformação digital na Amazônia Ocidental.

PPI 4.0

A apresentação do Programa Prioritário de Indústria 4.0 e Modernização Industrial (PPI4.0) será feita por Leopoldo Montenegro, da SUFRAMA, e Rafael de Tarso, do CITS. O PPI 4.0 tem como objetivo tornar a região da Amazônia ocidental/Amapá referência nacional em Indústria 4.0, com um ecossistema de inovação e empreendedorismo articulado e ativo, capaz de promover o aumento da produtividade e da competitividade regional de forma sustentável.

O evento contará, ainda, com palestrantes como Fernando Borer, da Bosch e Antônio Mandalozzo, da Electrolux, que trarão suas experiências na implementação da Indústria 4.0 em suas empresas; um case da Flex Industries, no Amazonas, de implementação de Inteligência Artificial na produção, com professor Manuel Cardoso, da MAP;

Além de um estudo atual dos skills necessários para esta nova era, realizada pela Noélly Mercer, da Federação das Indústrias do Estado do Paraná; e, uma palestra sobre startups, investimentos e indústria 4.0, com  Rafael Moreira, da Bertha Capital.

Os Ecosystem Talks serão riquíssimos com profissionais atuantes no Amazonas, como Vania Thaumaturgo, presidente da Associação do Polo Digital de Manaus e Head do Instituto Eldorado, Euler Guimarães, presidente do CODESE e CEO de startups,

Bem como Jacqueline Freitas, do SIDIA, José Teixeira, da Denso, Expedito Belmont, da DriveOn, Prof. Sandro Breval, da UFAM, Luciana Minev, da Singulari, Prof. Fernando Moreira, da Fundação Muraki, profa. Olinda Marinho, da Faculdades Santa Teresa e da APEX, Túlio Silva, do ICTS, Carlos Koury, do IDESAN, Elaine Garcia, do INDT, Diônes Lima, da Softex, Rodrigo Silva, da FINEP, Fabíola Almeida, do SEBRAE, Augusto Rocha, da FIEAM.

(*) Com informações do CITS

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

VOLTAR PARA O TOPO