Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
17 de abril de 2021

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC
Acompanhe nossas redes sociais

Priscilla Peixoto – Da Revista Cenarium

MANAUS- O artista plástico parintinense Júnior de Souza morreu nesta segunda-feira, 1, após complicações causadas pela Covid-19. O artista estava internado há quase 30 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital do Rócio, em Curitiba, Paraná.

A morte foi anunciada pela esposa de Jr, Milena de Souza, no final da tarde no Facebook. “É com muita dor no coração que informo a todos que o meu marido faleceu, te amarei para sempre”, postou Milena nas redes sociais.

Jr de Souza era uma das principais referências em construção de alegorias do Festival de Parintins (Reprodução/ redes sociais)

Artista de Ponta

Junior estreou a carreira de artista no Festival Folclórico de Parintins em 1995, e foi ele quem aprimorou o movimento nas alegorias que hoje são tão exploradas por outros artistas e fazem todo diferencial na arena.

O “considerado”, como era conhecido o artista, era referência na construção e inovação de alegorias. Também foi um dos mais conhecidos artistas de ponta do Boi-Bumbá Garantido por ilustrar rituais e deixá-los grandiosos na arena, como foi na memorável apresentação de ritual Turé em 2010.

O artista e torcedor do Garantido também escreveu história no Boi Caprichoso, como por exemplo, o ritual “Cãoera – O Senhor das Sombras”. Foi inclusive do Conselho de Artes e comandou ainda a parte de cenografia do boi azul e branco.

No Garantido, Junior de Souza além de integrar o quadro de artistas consagrados no boi, participou da Comissão de Artes no de 2109, contribuindo com a vitória do boi da Baixa naquele ano. “Perdemos mais um refência do festival de Parintins. Perdemos mais um torcedor e uma página da história da arte parintinense”, lamentou o presidente do Garantido, Antonio Andrade.

“Sequer temos tempo de enxugar as lágrimas pela partida de um e na sequência vem outra perda. Está sendo um ano muito difícil para o Garantido”, lamentou o gestor vermelho.