Arma que nos movimenta

Uma das maiores invenções do início da humanidade foi a pólvora. Segundo consta, ela foi inventada por alquimistas chineses e tinha por finalidade inicial atirar lanças primitivas contra os inimigos. Posteriormente, com o avanço da tecnologia, a pólvora se tornou o "combustível" de armas mais letal. A

CONTINUAR LENDO
A internet e seus impactos na vida social e nas relações de consumo

A sociedade atual vive um momento de comodidade e imediatismos. O tempo, nosso bem de maior valor, deve ser tratado com muito cuidado, pois ele não é devolvido a ninguém.

Interações sociais foram revolucionadas pela internet. O ser humano é hoje movido a curtidas, comentários, likes e compartilham

CONTINUAR LENDO
O que não nos desafia, não nos transforma

Os propósitos da nossa vida, diferenciam-se dos desejos que temos, na medida em que Deus se faz presente. Nossos desejos serão propósitos quando ocorrer o match entre nossas vontades e a vontade dEle.

Todavia, essa “coincidência aleatória”, aos olhos dos espectadores da vida, se dá por meio de

CONTINUAR LENDO
A injustiça da justiça

Ontem, em conversa com uma ministra de um Tribunal Superior, relembrei um caso que, apesar de ter chocado a sociedade brasileira, bem como a comunidade jurídica, hoje está quase esquecido por parte da mídia, após, inclusive, duas absolvições do acusado por um tribunal brasileiro.

Um fato dramático

CONTINUAR LENDO
O despropósito de uma guerra

Grandes eventos passaram a fazer parte da vida mundial, a partir do final de 2019 e início de 2020. Há mais de 2 anos, nós, seres humanos, estamos sendo provados diariamente. Fome, doenças, falta de emprego, desgovernos e debates ideológicos, muitos sem propósito.

Usualmente, falava-se em respeito

CONTINUAR LENDO
E a tão pregada liberdade de expressão

Lá se foi mais um ano de tantos debates, tantas discussões, inúmeras amizades desfeitas e familiares afastados por conta de falas sobre política, pandemia, doenças, curas, remédios e tantas pautas desinteressantes ao ponto de vista dos relacionamentos.

Diz o dito popular: não se discute futebol, r

CONTINUAR LENDO
O pai de família, o Direito e a Justiça

No estacionamento de um Fórum de Justiça trabalhava lavando carros um pai de família que não tinha emprego formal, mas ali estava para conseguir dinheiro justo para alimentar a sua prole. Todos os dias quando chegavam advogados, juízes, promotores, partes, ele se aproximava e pedia para, com a benção

CONTINUAR LENDO
VOLTAR PARA O TOPO