29 de novembro de 2020

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC

Vinícius Leal – Da Revista Cenarium

MANAUS – Santinhos de candidatos, dinheiro em espécie e até uma caixa com garrafas de cachaça foram apreendidos pelas polícias Federal e Civil em uma ocorrência, em flagrante, de compra de votos na madrugada deste domingo, 15, no município de Tefé (a 520 quilômetros de Manaus, interior do Amazonas).

Duas pessoas, ainda não identificadas, foram detidas e conduzidas à delegacia da cidade. Também há a suspeita de transporte ilegal de eleitores durante a ocorrência.

“Temos um procedimento em curso neste momento em Tefé onde foi verificado alguém comprando votos usando cachaça e dinheiro”, afirmou o delegado federal Fábio Peixoto, da Delegacia de Defesa Institucional da Polícia Federal, durante coletiva de imprensa do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) em Manaus.

A reportagem da REVISTA CENARIUM apura a identificação das duas pessoas conduzidas à delegacia e o crime eleitoral imputado a elas.

Pleito 2020

Em coletiva no formato live às 9h deste domingo, 15, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, desembargador Aristóteles Thury, fez o primeiro balanço das votações no estado do Amazonas. A avaliação faz parte das ações do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/AM) no acompanhamento do pleito 2020.

De acordo com o desembargador, o início das votações segue em ritmo normal, excetuando pequenas ocorrências como falhas técnicas em algumas urnas eletrônicas e pequenos delitos associados a tentativas de compras de voto ou mesmo poluição causada por ‘derrames’ de santinhos e panfletos em vias públicas, investigados pela Polícia Federal (PF).

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.