Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
26 de janeiro de 2022
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Luís Henrique Oliveira – Da Revista Cenarium

MANAUS – Ao seguir a linha ideológica do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), de que não é preciso ser especialista para comandar uma cidade ou um País, o terceiro candidato à Prefeitura de Manaus, Coronel Menezes (Patriotas), chegou, na tarde desta quarta-feira, 28, à sede da Revista Cenarium, no Edifício Corporate Trade, Zona Centro-Sul, para a Sabatina Técnica.

Questionado sobre o formato da Sabatina Técnica, Alfredo Menezes explicou que não atuará como personagem, mas sim como costuma ser, autêntico, segundo ele.

“Sempre sou muito tranquilo em relação a qualquer assunto. Se você me perguntar o que eu sei, eu vou responder numa boa, caso você me pergunte algo que eu desconheço, vou ser sincero e realista e falar que não sei. Estou muito tranquilo. É uma ótima oportunidade para expor nossas ideias e propostas de campanha. Eu não gosto muito de ‘O político’ vem de um personagem, ‘político’ nunca é autêntico e eu sou autêntico”, disse Menezes.

Menezes lembrou que seguirá a linha de Bolsonaro, que “costuma não ter papas” durante suas entrevistas. “Fujo dessa regra de ser político, sou autêntico. Tenho o DNA do presidente. Conheço ele há 40 anos, ele não é um personagem e sempre é verdadeiro em suas respostas”, disparou.

Formato

A sabatina ocorre nos dias 26, 27, 28, 29, 30 de outubro e, em novembro, retoma nos dias 3, 4, 5, 6, 9 e 10, com transmissão pelo site da revista, o www.revistacenarium.com.br, por meio da TV CENARIUM, às 20h.

Nesta quarta, os técnicos participantes são Samir Oliveira Salles, do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA); Marcus Evangelista, do Sindicato dos Economistas do Estado do Amazonas (Sindecon), Grace Anny Benayon, da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Amazonas (OAB/AM); e Carlos Durigan, ambientalista da Conservação da Vida Silvestre.

Excepcionalmente nesta quarta-feira, 28, Jorge Campos, professor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e membro do Conselho Regional de Administração (CRA), informou que não poderia comparecer à Sabatina, transferindo assim seus questionamento a Marcus Evangelista, do Sindecon.

A bancada terá como mediadora e entrevistadora a jornalista Paula Litaiff, diretora-geral da REVISTA CENARIUM.

Com formato dinâmico, a sabatina durará uma hora e meia e será dividida em dois blocos de 45 minutos cada.

Cada sabatinador terá 1 (um) minuto para cada pergunta. Já o entrevistado terá 2 (dois) minutos para resposta. Em cada bloco serão feitas 5 (cinco) perguntas e os temas serão relacionados, exclusivamente, à gestão pública municipal.

A iniciativa pretende orientar o eleitor acerca das propostas dos candidatos mediante importantes questionamentos para o desenvolvimento da cidade mais influente da Amazônia Legal.