Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
6 de maio de 2021

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC
Acompanhe nossas redes sociais

Com informações do Portal Alma Preta

Uma ação promovida pelo Coletivo Diálogos Insubmissos – uma plataforma voltada à literatura negra de mulheres fundada em 2017 – busca mapear a pluralidade de escritoras negras e nordestinas. Com inscrições abertas até a nesta sexta-feira, 30, a iniciativa promete apresentar um panorama sobre a atuação das mulheres no campo da escrita nos nove estados da região, além de visibilizar as condições e dificuldades de uma cena que amarga com poucos investimentos e recursos para viabilizar projetos. 

De acordo com a organização do mapeamento, a representatividade em produções literárias ainda se apresenta como desigual enquanto recorte de raça e região de origem para as mulheres. “Percebe-se em larga escala que em termos de representação e visibilidade às nossas escritoras estão em lugares bem distintos do que os de escritoras de outras regiões do país”, discorre o texto de apresentação da iniciativa.

Para as mulheres que integram o coletivo Diálogos Insubmissos, a região Nordeste do país é reconhecidamente um berço cultural negro que precisar ser mais valorizado e ter as suas especificidades regionais mais respeitadas e afastadas de estereótipos que foram historicamente criados para deslegitimidar a produção artística e intelectual.

Com a ação, o coletivo acredita que o levantamento de escritoras negras do nordeste é uma oportunidade de criação e fortalecimento de uma rede literária nordestina, através do investimento em políticas de citação, do fortalecimento de relações comerciais e editoriais entre escritoras negras, além de aproximar esta produção do público leitor e incentivar o seu consumo. Para se inscrever e saber mais sobre, acesse já o link.