Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
24 de outubro de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE
image/svg+xml

This post is also available in (Post também disponível em): English (Inglês)

Com informações do Brazilian Times

MANAUS – Além de cobras birmanesas, o próximo carnívoro invasor da Flórida pode ser um peixe de 3 metros de comprimento que pode pular da água e comer pequenos mamíferos: o Pirarucu, um predador do rio Amazonas que pode pesar centenas de quilos. “Não consigo imaginar que seja bom para o nosso ecossistema”, disse Josh Constantine, um capitão de pesca fretada, ao jornal South Florida Sun Sentinel.

Enquanto a Flórida continua a lutar contra um flagelo provocado por serpentes asiáticas, um pirarucu morto foi avistado recentemente no Parque Jaycee de Cape Coral, na margem do rio Caloosahatchee, que vai do Lago Okeechobee a oeste até o Golfo do México, disse o Sentinel.

Os pirarucus são um dos maiores peixes predadores do mundo, com escamas tão impenetráveis quanto uma armadura, afirma o jornal. E é um reprodutor ávido, produzindo centenas de milhares de ovos durante sua vida. Se ele conquistar espaço, como o peixe-leão invasor fez na Flórida, ele pode consumir os estoques de pesca comercial local, alertam os especialistas.

A Comissão de Conservação de Peixes e Vida Selvagem da Flórida (FWC) confirmou o aparecimento do pirarucu, mas insistiu que é, bem, um acaso. “Não há evidências de que o pirarucu tenha se reproduzido na natureza na Flórida”, disse a FWC ao Sentinel.

Pelo menos ainda não, mas todos devemos observar e esperar, alertou a Dra. Katherine Galloway, bióloga da Nicholls State University.

O pirarucu vem da Amazônia e os moradores estão confusos sobre como ele chegou à Flórida. Este espécime que apareceu em Cape Coral era grande o suficiente para ser reprodutivamente ativo, então “provavelmente há mais na Flórida”, disse ela ao jornal.