Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
26 de janeiro de 2022
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Nauzila Campos – Da Revista Cenarium

As homenagens à Santa Maria da Imaculada Conceição começaram às 7h, em Manaus, nesta quarta-feira, 8, na Catedral Metropolitana da padroeira do Amazonas e da capital. Os católicos podem acompanhar a programação da Arquidiocese até as 18h. A tradicional procissão não aconteceu em atenção às medidas de prevenção à pandemia da Covid-19, mas as missas em homenagem à santa ocorrem normalmente, com exigência do comprovante de vacinação e uso de máscara.

O nome “Imaculada Conceição”, um dos títulos que Maria recebe, refere-se ao dogma católico que confere à mãe de Jesus, desde os primeiros instantes de sua existência, a preservação de todo o pecado original, como conta o fiel católico manauara Milton Valentim. “Por dar luz ao filho de Deus, Maria estava cheia da graça divina. Hoje, comemoramos duas datas importantes: o dia da padroeira do Estado do Amazonas e o dia de Nossa Senhora da Conceição”, disse.

Regina Spener, católica desde criança, repassou os costumes aprendidos com a família materna às filhas e, agora, aos netos. Falar de Maria a deixa muito emocionada. Com a voz embargada, disse: “Todas as minhas irmãs, quando nasciam, minha mãe consagrava à Nossa Senhora. Meu nome é Regina Socorro e eu sou consagrada à Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Eu fico muito emocionada em falar dela, porque tem gente que não gosta. E essas pessoas deveriam pensar que nós temos uma mãe e que ninguém gostaria que falassem mal dela. Na região católica, Nossa Senhora foi a primeira missionária que Jesus teve. Depois que ele partiu e ressuscitou, ela seguiu a missão dele com os apóstolos. Depois do nosso Senhor Jesus, ela é a pessoa mais importante na minha vida e todos os dias eu agradeço a ela pela família que eu construí”, disse.

O ápice da comemoração em Manaus acontece às 17h, com a Missa Campal presidida pelo arcebispo Dom Leonardo Steiner, na Catedral, no Centro.