27 de janeiro de 2021

Com informações da assessoria

MANAUS – O Batalhão de Policiamento Ambiental (BPamb), da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), apreendeu seis pássaros silvestres, nesta terça-feira, 5, no bairro Tarumã, Zona Oeste da capital amazonense. Na ocorrência, quatro criadores das aves foram conduzidos ao 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Ao chegarem ao local, os policiais encontraram o grupo realizando um treinamento em ambiente natural. De acordo com o titular da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente (Dema), Herbert Lopes, “os criadores foram detidos por levarem os pássaros para local não permitido pela legislação, mesmo para treinamento”.

“Os criadores estavam legalizados para a criação dos pássaros, mas a permanência em ambiente de mata está expressamente proibida na licença ambiental do Ipaam (Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas)”, disse.

Conforme o delegado, embora não haja proibição de transitar com a ave legalizada, não está permitido levá-las a ambiente natural para treinamento ou qualquer outra justificativa.

Os homens assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), que é a previsão legal, e foram liberados. O Batalhão Ambiental alerta a população que criar, guardar, transportar, capturar ou caçar animais silvestres, sem autorização de órgão ambiental competente, configura crime ambiental.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.