Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
22 de janeiro de 2022
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Maria Luiza Dacio – Da Revista Cenarium

MANAUS — O presidente da Câmara Municipal de Manaus, David Reis (Avante), revogou na tarde desta terça-feira, 28, a licitação que concedeu a duas empresas de comunicação e marketing aproximadamente R$800 mil para prestar serviços de publicidade e marketing a Casa Legislativa. A CENARIUM denunciou suspeitas de direcionamento no certame.

Leia mais: Com suspeita de direcionamento, Tape e Grupo Mídia vencem licitação na Câmara Municipal de Manaus

A anulação considerou o princípio da autotutela da administração pública e revogou o processo licitatório que aconteceu na modalidade pregão presencial de nº 027/2021 , na segunda-feira, 27.

O documento justifica que o princípio da autotutela permite a Administração Pública exercer controle sobre seus próprios atos e que pode rever seus atos a qualquer momento.

As vencedoras foram as empresas Grupo Mídia Publicidade e Eventos Ltda. e Tape Publicidade Ltda. e tinha como objetivo a contratação de empresas de serviços especializados de consultoria em marketing institucional, para ampliar as ações e dinamizar a utilização dos canais de comunicação da Câmara Municipal de Manaus, tanto para com o público externo quanto para com seu público interno (endomarketing), e de veiculação de informes publicitários em jornais, revistas, blogs e portais de notícias na internet.

Em documento publicado nesta terça-feira, David Reis (Avante), revoga licitação com suspeita de direcionamento.