Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
24 de julho de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE
image/svg+xml
Com informações da assessoria

MANAUS – A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Combate à Corrupção (Deccor), durante a manhã desta terça-feira, 15, cumpriu três mandados de busca e apreensão em nome de José Carlos Freitas Gama, de 44 anos, servidor da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), da Prefeitura de Manaus, investigado por envolvimento no desvio de 20 toneladas de asfalto, que ocorreu no mês de março deste ano.

A ação policial foi deflagrada em dois bairros da zona Leste da cidade, e na sede da Seminf, zona Centro-Sul. De acordo com o delegado Guilherme Torres, titular da Deccor, no dia 25 de março deste ano, a Prefeitura Municipal de Manaus (PMM) tomou conhecimento do desvio de asfalto, ocasião em que acionou a especializada e, esta, imediatamente iniciou as investigações.

“No decorrer das diligências policiais, confirmamos que uma carga de 20 toneladas de asfalto foi desviada para um condomínio particular, no bairro Tarumã, zona Oeste, e era revendida por um valor de R$ 1.800”, comentou o delegado.

Conforme o delegado, após as investigações apontarem a autoria do crime, foi solicitado pelos mandados de busca e apreensão em endereços distintos do servidor. As ordens judiciais em nome do José Carlos foram expedidas pelo juiz Rafael da Rocha Lima, da Central de Inquéritos.

Ainda com informações da autoridade policial, as investigações em torno do caso continuam para que seja averiguado o envolvimento de outros indivíduos.