24 de novembro de 2020

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC

Carolina Givoni – Da Revista Cenarium

MANAUS – “Ele sempre deu resultado, sempre foi um bom vendedor. Mas na última quarta-feira me falou que iria sair e não voltou mais”. O relato é de Ivo Barroncas, pai de Brendon Guelis Bravo Viana, um jovem de 19 anos, que está desaparecido de Rio Preto da Eva, município localizado a 68 quilômetros de Manaus, desde a quarta-feira, 21.

O rapaz, que segundo a família, cursava administração em uma faculdade da capital amazonense, oficialmente foi visto pela última vez andando Rodovia AM-010, próximo à Rodoviária.

“Ele trabalha na empresa da nossa família. Não tem cicatriz, não tem tatuagem, não tem marcas pelo corpo, tem dentes perfeitos. Possui 1.82m de altura, é magro e tem cabelos preto. Geralmente está barbado, mas quando saiu pela última vez, estava de barba feita e cabelo cortado”, explica Barroncas.

(Reprodução/Facebook)

Ivo também relata que o filho não levou bagagens, objetos pessoais ou dinheiro. “Brendon trabalha comigo fazem todos esses anos. Ele sempre deu resultado, sempre foi um bom vendedor. Quando ele saiu levou uma mochila e minha esposa falou que dentro havia um lençol”, detalhou.

Segundo ele, Brendon foi visto por testemunhas na zona portuária de Manaus, localizada na área central da cidade. “Também surgiu uma informação que pode estar em um ramal. Meu outro filho foi lá checar”, finalizou Ivo.

Informações

Os familiares de Brendon disponibilizaram telefones e WhatsApp para receber informações sobre o paradeiro do jovem. Maiores detalhes podem ser verificados com o pai, Ivo Barroncas (92) 99206- 2770 e a tia Vanuza Barroncas (92) 99157-3246.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.