6 de março de 2021

Com informações do Estadão Conteúdo

RIO – A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) confirmou no início da tarde desta segunda-feira, 22, que irá receber nesta terça-feira, 23, o lote com dois milhões de vacinas prontas do Instituto Serum, um dos centros produtores da AstraZeneca na Índia.

A iniciativa é parte de uma estratégia paralela à produção de vacinas a partir da chegada do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), com o objetivo de contribuir com o fornecimento de vacinas para o Programa Nacional de Imunizações (PNI/MS). A campanha de vacinação contra o coronavírus foi suspensa em algumas cidades do País devido à falta de imunizante.

Sobre as novas doses, a Fiocruz ainda não divulgou horário da chegada ou detalhes da logística. Além das doses prontas, a Fiocruz informou que está previsto para o próximo sábado, 27, a chegada de mais dois lotes de IFA, com o equivalente de insumo para produção de cerca de 12 milhões de doses da vacina.

Voo

O avião da companhia Emirates, com a remessa de dois milhões de doses da vacina Oxford/AstraZeneca contra covid-19 decolou na madrugada de hoje, 22, de Mumbai, na Índia, e deve chegar a São Paulo às 6h55 desta terça.

Segundo a Agência Brasil, a aeronave deixou a cidade indiana por volta das 10h30 da manhã (horário local), o que equivale às 2h de hoje no horário de Brasília. A carga fará escala em Dubai, nos Emirados Árabes, de onde decolará para São Paulo às 22h40 (horário local) – 15h40 de hoje (horário de Brasília).

O voo chegará a São Paulo amanhã de manhã e as vacinas seguirão para o Rio de Janeiro, onde serão levadas para o Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz).