Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
30 de novembro de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE
image/svg+xml

Victória Sales – Da Cenarium

MANAUS – Com o objetivo de reforçar e contribuir com a segurança pública do Estado, o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), entregou na manhã desta sexta-feira, 3, na Arena da Amazônia, zona Centro-Sul de Manaus, dois aparelhos, no valor de R$ 200 mil cada um, que irão auxiliar no combate ao tráfico humano. Além disto, 32 novas viaturas foram entregues para o patrulhamento no interior.

Os equipamentos repassados à Polícia Civil do Estado (PC-AM) foram doados pelas Organizações Não Governamentais (ONGs), Cellebrite e The Exodus Road, que tem como especialização o combate ao tráfico de pessoas, pedofilia e exploração sexual. Segundo o governo do Estado, os equipamentos serão utilizados na extração de dados de aparelhos celulares para a elucidação de crimes, sobretudo no combate ao tráfico humano.

“Todo mundo sabe da dificuldade que a gente tem aqui no Estado do Amazonas com relação ao tráfico humano que é um crime silencioso, a gente tem feito um trabalho muito significativo nesse sentido para poder combater essa prática delituosa, isso também foi um fator determinante por essa ONG para que a gente recebesse essa doação para auxiliar nesse trabalho que já é feito pelas nossas polícias”, disse Wilson Lima.

Viaturas que foram entregues para a Polícia Militar do Estado (Diego Peres/Secom)

Os equipamentos doados ao Estado vão extrair dados em aparelhos celulares que serão repassados à polícia. Chamados de Cellebrite Premium, eles estão avaliados em R$ 200 mil cada um. O mecanismo vai permitir acessar mensagens de dados apagadas pelos sistemas Android e IOS, que são usados em Iphone. A ferramenta já ajudou nas investigações da Operação Lava Jato.

“Os equipamentos vão ficar aqui na capital e vão fazer parte desse nosso acervo de equipamentos do setor de inteligência, então a gente tem esses celulares que são apreendidos no interior e eles vêm para a capital para poder estarem sendo extraídos aqui essas informações necessárias para investigações. A gente vai receber a capacitação da empresa responsável por esse equipamento para que a gente possa atuar nesse trabalho de inteligência”, ressaltou Wilson Lima.

Reforço no interior

No caso dos novos veículos, Wilson Lima destacou que as viaturas serão destinadas aos municípios de Boca do Acre, Eirunepé, Ipixuna, Guajará, Juruá, Carauauri, Envira, Itacoatiara, Manacapuru, Iranduba, Maués, Tabatinga, Tefé, Coari, Pauiní e Urucurituba. “Percebemos que o interior do Estado era carente de ações que pudessem combater a criminalidade sobretudo a questão do tráfico de drogas”, destacou o governador.

Wilson Lima ainda ressaltou que as viaturas estão indo para os municípios completamente equipadas. “Elas têm reconhecimento facial, têm câmera frontal para fazer a leitura de placas de veículos e o monitoramento via satélite que não depende de internet para poder localizar em tempo real todos os crimes”, detalhou.