26 de outubro de 2020

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC

Da Revista Cenarium*

MANAUS – O governador do Amazonas, Wilson Lima, inspecionou, na manhã desta quarta-feira, 23, parte das obras do Anel Sul, que será o maior complexo viário de Manaus. Com investimento total na ordem de R$ 89 milhões, a obra está gerando cerca de 2.500 empregos diretos e indiretos. O viaduto principal, com oito alças de acesso, tem previsão para ser entregue em dezembro.

Situado no entroncamento da Avenida Torquato Tapajós com a Estrada do Tarumã e a avenida Arquiteto José Henriques, o Anel Sul vai facilitar o deslocamento entre a Zona Oeste e a Zona Norte da capital, desafogando o trânsito e reduzindo a circulação de veículos pesados, como caminhões e carretas, nas áreas centrais da cidade. O complexo também permitirá a ligação direta entre o Distrito Industrial e o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes.

Segundo Wilson Lima, somente o viaduto do Anel Sul terá 180 mil metros quadrados, com capacidade para a circulação de três mil veículos por hora, o que vai melhorar a mobilidade em Manaus. O tráfego na nova pista no sentido Centro/bairro, em direção à barreira, já está liberado desde o mês de agosto.

“Essa obra é muito esperada por quem passa por aqui, principalmente quem acessa o Santa Etelvina, o Centro de Treinamento do Detran, a AM-010, a BR-174. Esse aqui será o maior viaduto, o mais complexo e o mais moderno da cidade de Manaus, aqui há 180 metros quadrados construídos. E não é só o viaduto, inclui também 8,5 quilômetros de sistema viário. Isso significa responsabilidade com o uso dos recursos públicos e a aplicação correta para aquilo que vai beneficiar a vida de quem mora aqui”, frisou o governador.

Wilson Lima também destacou a geração de postos de trabalho em obras de infraestrutura como a do Anel Sul, fundamentais no processo de reaquecimento da economia do Amazonas.

“Nós estamos no processo de retomada das atividades econômicas no estado do Amazonas, desde o dia 1º de junho que nós estamos retomando as nossas obras. Só essa aqui gera algo em torno de 2.500 empregos diretos e indiretos, então isso é importante para a nossa economia e é muito significativo para esse momento de retomada”, acrescentou.

Planejamento 

viaduto terá quatro alças externas e quatro alças internas, formando um trevo de oito alças, possibilitando mais alternativas para os motoristas se dirigirem em qualquer direção, sem a necessidade de semáforos.

O projeto também foi elaborado para levar em conta o crescimento da cidade em longo prazo e prevendo obras futuras como, por exemplo, o aumento do número de faixas na Torquato Tapajós.

“O governador esteve aqui conosco visitando a obra do Anel Sul e já vamos inaugurar até a Ponte do Tarumã. Até o dia 20 de dezembro, estaremos inaugurando este viaduto mais o sistema viário, são três quilômetros de via até chegarmos na Ponte do Tarumã”, ressaltou o secretário de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus, Carlos Henrique Lima.

(*)Com informação da assessoria

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.