Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
21 de novembro de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE
image/svg+xml

Com informações do portal IG

PORTO ALEGRE – Um grupo antivacina entrou na Câmara de Vereadores de Porto Alegre nesta quarta-feira, 20, e causou uma briga generalizada, encerrando sessão que debatia a exigência do passaporte vacinal na capital do Rio Grande do Sul.

O prefeito Sebastião Melo vetou a obrigatoriedade do passaporte – a apresentação do documento já é obrigatória desde segunda-feira, 18, após determinação estadual. A Câmara então debatia o assunto quando manifestantes contrários à obrigação entrou no local.

Exibindo cartazes com referências nazistas, o grupo foi confrontado por vereadores, que relatam agressões. O vereador Carlos Janta (SD) teria sido mordido no dedo.

Leonel Radde (PT) e Manuela D’avila registraram o ocorrido em suas redes sociais. “Os ‘patriotas’ fazendo apologia ao nazismo na Câmara Municipal de Porto Alegre”, disse o petista, segurando o cartaz com uma suástica levado pelo grupo.

No vídeo publicado pela ex-candidata à prefeitura de Porto Alegre é possível ver a troca de socos entre manifestantes e vereadores. A sessão só foi retomada após a retirada do público do plenário.

Em nota, a Câmara Municipal se manifestou sobre o caso. Confira a íntegra:

Em face dos acontecimentos ocorridos na tarde de hoje (20/10) nas dependências do Plenário da Câmara Municipal de Porto Alegre, o presidente em exercício e a Mesa Diretora desta Casa repudiam com veemência qualquer tipo de manifestação política que utilize o expediente da violência. O plenário da Câmara Municipal é a expressão da democracia na capital dos gaúchos e suas decisões são soberanas. Este Legislativo rejeita qualquer forma de intimidação contra seus integrantes.

Em hipótese alguma esta Câmara aceitará apologia à suástica, símbolo do período mais obscuro da história moderna da humanidade. Aqueles que buscam impor suas vontades pela força ou pelo terror nunca terão guarida nesta Casa. Pelo contrário, tais indivíduos serão submetidos ao rigor da lei e responsabilizados por seus atos.”

Veja mais vídeos da confusão: