23 de novembro de 2020

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC

Bruno Pacheco – Da Revista Cenarium

MANAUS – Uma indígena da etnia Tikuna foi baleada nas costas durante um assalto no porto da aldeia de Vila de Betânia, em Santo Antônio do Içá (a 879 quilômetros de Manaus). De acordo com o Distrito Sanitário Indígena do Alto Rio Solimões (Sesai/ARS), a mulher foi socorrida, encaminhada a um hospital do município e passa bem.

O caso ocorreu na semana passada. Cinco homens armados renderam um segurança do local e tentaram roubar uma ‘ambulancha’ – transporte aquático equipado para atender pacientes de comunidades. Sem êxito, por conta da embarcação estar presa com cadeados, os suspeitos roubaram uma voadeira de um ribeirinho da região.

Weydson Gossel, coordenador do Dsei/ARS, o prejuízo para os moradores vai além do material, pois o medo vem assolando tanto a população que utiliza as embarcações para atendimento médico, quanto para os profissionais de saúde que trabalham nas lanchas.

“Temos barcos e embarcações novas sendo entregues e precisamos que algo seja feito. Vamos repassar um ofício a nível central à Sesai, ao Ministério da Defesa, ao Ministério Público Federal, a Secretaria de Segurança Pública do Estado, e às autoridades do Exército, Marinha e também a Polícia Militar dentro dos municípios, para que algo possa ser feito para que a gente não possa ter prejuízo”, disse o coordenador.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.