Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
18 de novembro de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE
image/svg+xml
SCom informações do Infoglobo

SÃO PAULO – O primeiro balanço do Spotify, desde a morte da cantora e compositora Marília Mendonça, já evidencia o impacto que a tragédia teve na procura por suas músicas. Se até sexta-feira, 5, ela tinha 20 canções no ranking top 200 do Spotify Brasil, no sábado (6) esse número quase quadruplicou. Agora, são 74 músicas.

Três delas estão entre as dez mais tocadas do País — as duas primeiras, ‘Esqueça-me se for capaz’ e ‘Todo mundo menos você’, são do recém-lançado EP ‘Patroas 35%’, uma colaboração de Marília com as amigas Maiara e Maraisa.

Além disso, Marília Mendonça também chegou ao top 200 global do Spotify, com três músicas: ‘Esqueça-me se for capaz’ (48ª), ‘Todo mundo menos você’ (68ª) e ‘Troca de calçada’ (145ª). Em 24 horas, elas foram reproduzidas pelo mundo 1,5 milhão, 1,2 milhão e 861 mil vezes, respectivamente.

A goiana foi, inclusive, a artista feminina mais ouvida no Spotify, em todo o mundo, no sábado (6), com 28,6 milhões de reproduções no total, quatro milhões a mais que a segunda colocada, Taylor Swift. Ela, ainda, superou Doja Cat, Adele, Dua Lipa, Billie Eilish no ranking.

Vale lembrar que a artista goiana foi a mais ouvida do Brasil, no streaming, nos últimos dois anos, consolidando sua posição como grande fenômeno de popularidade.

No YouTube, a seção ‘Em alta’ aponta os vídeos mais vistos na rede social, nas últimas horas. No momento da publicação desta matéria, Marília Mendonça estava envolvida em sete dos vídeos, com destaque para o clipe de ‘Fã clube’, também do projeto ‘Patroas’, que foi lançado na sexta-feira (5), horas antes do acidente aéreo que vitimou Marília e outras quatro pessoas.