Mato Grosso concentra 35% dos municípios mais ricos do agronegócio no País

Marcela Leiros – Da Revista Cenarium

MANAUS – O Estado do Mato Grosso, que integra parcialmente a Amazônia, concentra 35 dos 100 municípios mais ricos do agronegócio no País. Os dados constam na lista de 100 municípios mais ricos do agronegócio no Brasil, divulgada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Depois do Mato Grosso, ainda aparecem Mato Grosso do Sul (13), Goiás (10), Bahia (9), Minas Gerais (8) e São Paulo (6).

O ranking foi feito com base nos dados da Produção Agrícola Municipal (PAM) referente a 2020, levantados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com base nessas informações, foi feita uma classificação levando em conta o valor da produção das lavouras temporárias e permanentes e o Produto Interno Bruto dos municípios (PIB), tomando por base o ano de 2019.

Segundo a pasta, as informações permitem observar as áreas mais ricas da agricultura, e alguns fatores relacionados a esse processo. No Mato Grosso, a agropecuária tem participação relevante no PIB do Estado, sendo estimada em 21,36%. No município de Sorriso, líder na geração de valor, a agropecuária representa 26,65% do PIB, e Sapezal, líder na produção de algodão, representa 53,17% do PIB.

O Mapa apontou que a soja, algodão e milho são os principais produtos responsáveis pelo sucesso dos municípios, pois “carregam elevados níveis de tecnologia e de produtividade”. Em Sorriso, o valor da produção de soja obtido foi de 52% e, do milho, 35%, em 2020.

Amazônia

Outros Estados da Amazônia também integram a lista, mas com menos representatividade no agronegócio: Maranhão, com dois municípios, e o Pará, com quatro. Na região Norte, a agropecuária tem participação elevada no PIB, com 13,9% em Rondônia e 14,17% em Tocantins.

Produção recorde

O ano de 2020, principal referência utilizada na nota, foi recorde na produção do País. Segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a safra de grãos foi de R$ 257 milhões de toneladas. Os 100 municípios geraram, em 2020, um valor da produção de R$ 151,2 bilhões, 32% do total, estimado em R$ 470,5 bilhões.

Veja o ranking:

Confira o documento do Mapa na íntegra abaixo:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

VOLTAR PARA O TOPO