Militantes russas levam multa por organizar protesto em apoio a afegãs

Com informações do Site UOL

AFEGANISTÃO- A Justiça russa condenou, nesta sexta-feira, 27, duas militantes dos direitos das mulheres por terem organizado uma manifestação em apoio às afegãs em frente à embaixada do Afeganistão, em Moscou. Artemi Pitiukov e Ksenia Bezdenejnij foram condenadas cada uma a pagar 200.000 rublos (3.100 dólares) por “perturbar a ordem pública”, disse à AFP uma porta-voz do tribunal Presnenski de Moscou.

A manifestação ocorreu na segunda-feira, 23. As militantes protestaram com cartazes em frente à embaixada, uma forma de se manifestar que é conhecida como “piquetes solitários” que é uma das últimas formas de protesto ainda possíveis na Rússia, a princípio sem autorização.

Seis pessoas foram detidas na manifestação, segundo a ONG OVD-Info. Outros “piquetes solitários” ocorreram em São Petersburgo, sem detenções. “Ser uma mulher no Afeganistão é mortalmente perigoso por esses dias”, dizia um cartaz, segundo as imagens divulgadas nas redes sociais e veículos de comunicação.

As autoridades russas tiveram até agora uma atitude conciliatória com os talibãs. Reconheceram sua vitória, mas pediram um “diálogo nacional” para formar um governo representativo.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

VOLTAR PARA O TOPO