Ministro da Saúde elogia hospital de retaguarda do AM e governador diz que chegará a mais 500 leitos

Bruno Pacheco – Da Revista Cenarium

MANAUS – Em visita ao Hospital de Retaguarda da Nilton Lins na manhã desta segunda-feira, 4, o ministro da saúde, Nelson Teich, elogiou a unidade hospitalar e disse que a prioridade é organizar o início dos trabalhos com equipamentos e pessoal. Já o governador Wilson Lima disse que a unidade pode chegar a 500 leitos, se houver necessidade.

“É um hospital amplo com espaço para crescer, com espaço para ser utilizado. O que é importante agora é fazer com que ele consiga pegar essa capacidade de tratar das pessoas”, pontou o ministro da Saúde, que desembarcou em Manaus na tarde do domingo, 3.

Segundo Teich, devido aos recursos escassos do governo federal, é preciso conhecer as expansões dos hospitais para definir a quantidade de profissionais da saúde para serem disponibilizados pelo Ministério.

“Não posso mandar mais do que eu consigo, porque se não, tiro de outras partes do País. O mais importante é conseguir enxergar o quê que eu consigo botar para operar agora e a gente vai fazer isso com o País inteiro”, destacou.

De acordo com o governador Wilson Lima (PSC), após reunião com o ministro e com secretário-executivo da pasta da saúde, general Eduardo Pazuello, o hospital de retaguarda tem a possibilidade de chegar até a 500 leitos disponíveis para o tratamento aos pacientes com o novo Coronavírus.

A unidade registra nesta segunda-feira 70 pacientes internados, sendo 8 em leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e 62 leitos clínicos. Segundo Lima, o hospital tem sua capacidade sendo ampliada gradativamente à medida em que o Estado recebe equipamentos e recursos humanos.

“A vinda do ministro é muito importante, porque abre essa janela de esperança para o nosso povo. Todos sabem da dificuldade que nós temos do sistema público de saúde do Amazonas e com esse aposse que nós estamos recebendo do governo federal, a gente tem dado passes significativo nesse atendimento ao cidadão”, comentou Lima.

Chegada

O ministro e o secretário executivo desembarcaram em Manaus na tarde desse domingo, 3, por volta das 17h, no aeroporto internacional Eduardo Gomes, zona Oeste.

Veja mais: Ministro da Saúde desembarca em Manaus e visita Hospital Delphina Aziz nesta segunda

Por meio das páginas oficiais do governo do Amazonas, Teich fez um rápido pronunciamento e pediu união entre as autoridades de saúde para atuar no enfrentamento à pandemia.

“A única forma que a gente tem de ajudar a sociedade, é trabalhando todo mundo junto de uma forma planejada e estruturada”, afirmou o ministro.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

VOLTAR PARA O TOPO