Número de infectados por dia cai no domingo, com 674 novos casos no AM; mais de mil morreram

Da Revista Cenarium

O Amazonas contou mais 674 novos casos de Covid-19 neste domingo, 10. Ao todo, são 12.599. O número de mortes confirmadas subiu para 1.004, sendo 29 nas últimas 24h, conforme boletim epidemiológico da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS).

Com o aumento de demandas, o diagnóstico da causa de mortes tem atrasado nos últimos dias. Além dos mortos no período de um dia, hoje também foram confirmadas mais 42 mortes causadas pela nova doença, por exemplo. A curva de contaminados decresceu hoje, em contraste com os 1.198 casos de ontem.

Um grupo de 4.582 pessoas, confirmadas para Covid-19, estão em isolamento social ou domiciliar com sintomas brandos, que dispensam internação, febre e dor de cabeça. Outras 6.597 pessoas já passaram pelo período de quarentena (14 dias) e se recuperaram clinicamente da doença.

Dos 12.599 casos confirmados, 7.198 são de Manaus (57,13%) e 5.401 do interior do Estado (42,87%). Além da capital, 55 municípios têm casos confirmados sendo Manacapuru (900); Parintins (390); Tefé (359); Tabatinga (311); Coari (281); Santo Antônio do Içá (245); Iranduba (236); Rio Preto da Eva (215); Itacoatiara (214); Careiro Castanho (193); Maués (182); Autazes (162); Presidente Figueiredo (162); São Paulo de Olivença (160); Carauari (122) e Boca do Acre (98).

Também São Gabriel da Cachoeira (95); Amaturá (89); Anori (87); Tonantins (80); Tapauá (75); Benjamin Constant (67); Urucará (61); Silves (51); Barreirinha (42); Manaquiri (35); Nova Olinda do Norte (35); Novo Airão (34); Beruri (33); Maraã (33); Fonte Boa (31); Barcelos (27); Novo Aripuanã (27); Careiro da Várzea (26); Borba (24); Canutama (22); Lábrea (22); Itapiranga (21); Urucurituba (21); Jutaí (18); Eirunepé (13) e Nhamundá (13).

Os municípios de Apuí, Boa Vista do Ramos e Manicoré têm 12 casos cada um. Caapiranga e São Sebastião do Uatumã têm 10 casos cada um. Anamã tem oito casos. Codajás e Santa Isabel do Rio Negro têm sete casos cada um. Humaitá tem seis casos. Alvarães tem dois casos. Os municípios com apenas um caso confirmado são Atalaia do Norte, Juruá e Pauini.

Indígenas

O último boletim da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), datado de ontem, aponta que nenhuma atualização nos índices de casos de contaminados (cumulativo), infectados (que ainda estão no período de transmissão do vírus), suspeitos, descartados, de cura clínica e de óbitos sofreram mudança. A tabela é a mesma da divulgada no dia anterior, por exceção das colunas de infectados e descartados, que trocaram de lugar.

No sábado, 9, a Revista Cenarium noticiou que, segundo a Sesai, mais 16 indígenas estavam infectados, somando 114 que ainda estavam dentro do período de transmissão. Como o número de contaminados, que era de 154, é cumulativo, não conta os casos que já entraram em recuperação clínica ou que morreram. A reportagem tenta contato com a assessoria de imprensa para esclarecimentos. Veja as duas tabelas a seguir.

Mortes e internações

Entre pacientes da capital, até o momento, 680 já morreram. Os 37 municípios do interior com óbitos confirmados, somando 324, são Manacapuru (48); Tabatinga (35); Coari (33); Parintins (31); Itacoatiara (27); Maués (20); Tefé (19); Iranduba (18); Autazes (16); Presidente Figueiredo (7); Benjamin Constant (7); São Gabriel da Cachoeira (6); Santo Antônio do Içá (5) Rio Preto da Eva (5).

Também Careiro Castanho (5); Tonantins (5); Novo Airão (4); Beruri (4); São Paulo de Olivença (3); Barcelos (3); Amaturá (2); Urucará (2); Manaquiri (2); Fonte Boa (2); Novo Aripuanã (2), Manicoré (2); Carauari (1); Anori (1); Tapauá (1); Silves (1); Barreirinha (1); Nova Olinda do Norte (1); Borba (1); Itapiranga (1); Jutaí (1); Nhamundá (1) e Codajás (1).

Entre os casos de Covid-19, há 416 pacientes internados, sendo 247 em leitos clínicos (68 na rede privada e 179 na rede pública) e 169 em UTI (72 na rede privada e 97 na rede pública).

Há ainda outros 886 pacientes internados considerados suspeitos e que aguardam a confirmação do diagnóstico. Desses, 674 estão em leitos clínicos (181 na rede privada e 493 na rede pública) e 212 estão em UTI (97 na rede privada e 115 na rede pública).

Outros 146 óbitos estão em investigação e 65 foram descartados para o novo coronavírus. Mais informações podem ser encontradas nos sites www.coronavirus.amazonas.am.gov.br e www.saude.am.gov.br/painel/corona.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

VOLTAR PARA O TOPO