Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
23 de junho de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Com informações da assessoria

MANAUS – Policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb), vinculado ao Comando de Policiamento Ambiental (CPAmb), apreenderam, durante ação permanente da operação Hórus, 130 toras de madeira de espécies diversas, correspondentes a 300 metros cúbicos de madeira regional, de procedência ilegal, na manhã de quinta-feira, 13, em Manacapuru (a 68 quilômetros da capital), na Região Metropolitana.

Durante patrulhamento fluvial, por volta das 10h, a equipe policial ambiental avistou uma jangada no rio com toras de madeira serrada e procedeu a abordagem de rotina. Os policiais solicitaram a documentação legal e obrigatória, porém o indivíduo que estava no local informou que não possuía.  Em continuidade ao patrulhamento, quando os militares se aproximavam do Lago Supia, avistaram uma embarcação e outra jangada, cujo responsável também informou não possuir o documento legal.

Os envolvidos detidos foram encaminhados, juntamente com uma embarcação de pequeno porte e três máquinas motosserras apreendidas, para a delegacia de Manacapuru para a conclusão dos procedimentos legais e cabíveis. A madeira foi avaliada em cerca de R$ 200 mil.

Conforme o major PM Wallasson, da Polícia Ambiental, a ação foi mais uma resposta à população de Manacapuru como resultado das denúncias recebidas pela unidade ambiental, e que todo o produto vegetal apreendido será doado à prefeitura do município para ser utilizado no enfrentamento da cheia dos rios e nas necessidades urgentes das populações ribeirinhas afetadas pelo fenômeno.

“As ações da unidade ambiental continuam na fiscalização dos crimes ambientais, e contamos com o apoio indispensável da população na realização de denúncias de práticas ilegais e que prejudiquem o meio ambiente”, salientou o major.