Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
28 de janeiro de 2022
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Rômulo D’Castro – Da Revista Cenarium

ALTAMIRA (PA) — O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), informou na quinta-feira, 13, que os 144 municípios do Estado vão receber 62 mil doses da vacina da Pfizer para imunização de crianças de 5 a 11 anos. O malote deve chegar ao Pará, de acordo com o governador, na madrugada de sexta-feira, 14. 

Helder não explicou como será a distribuição por municípios, mas assim como aconteceu com as vacinas para adultos, a capital Belém deve ficar com uma parte maior por ser a cidade mais populosa do Pará.

Municípios como Santarém, no Leste do Estado, e Ananindeua, na Região Metropolitana, os dois maiores depois de Belém, também devem receber mais doses que outros com menos habitantes.

A vacina de crianças de 5 a 11 anos foi autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em 16 de dezembro, o que desagradou o presidente Bolsonaro. 

Publicamente, o chefe do Planalto ameaçou divulgar nomes dos pesquisadores envolvidos no processo anterior à aprovação. Bolsonaro ainda levantou insinuações sobre o que ele apontou, sem provas, a respeito de interesses duvidosos da Anvisa para aprovação de vacina para crianças. 

Como resposta, Antônio Barra Torres, presidente da Agência, pediu, em carta aberta divulgada em suas redes sociais e amplamente divulgada pela imprensa brasileira, que Jair Bolsonaro se retratasse. O que não aconteceu até a publicação dessa matéria. 

De acordo com a Secretaria de Saúde do Pará (Sespa), mais de 17 mil crianças de 5 a 11 anos, faixa etária que passará a ser imunizada, tiveram Covid-19.

Veja o pronunciamento de Helder Barbalho.