Parintinense trabalha em álbum com músicas autorais para inspirar a juventude amazonense

Com informações da assessoria

O cantor parintinense Derick Tavares, 23, que figura entre as grandes revelações da música amazonense, vai lançar seu novo trabalho, intitulado “Meu Eu, Nosso Eu”, com músicas autorais que abordam situações do cotidiano para os jovens que buscam seu lugar perante a sociedade.

A obra será composta por cinco faixas e vai ficar disponível nas plataformas digitais como Deezer e Spotify. O projeto tem incentivo da Lei Aldir Blanc, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Semcult) de Parintins, com apoio do Governo Federal.

Segundo ele, a ideia do projeto surgiu após reflexões do dia a dia e falou um pouco da inspiração para escrever as canções.

“Assim como todo jovem, eu também passei por alguns problemas. Minhas músicas são inspiradas na juventude. Depois de um tempo vi como as coisas iam acontecendo com o tempo. Mais amadurecido, pude conversar com outros jovens a respeito de muitas experiências. Isso serviu de inspiração para quase todas as canções. Elas são uma espécie de autoajuda. A gente vê filmes e livros de autoajuda, então, decidi colocar isso em notas musicais”, falou.

Derick falou que várias pessoas já se identificaram com suas canções e foi bastante elogiado pelo seu trabalho autoral. “Elas diziam que eu tocava no coração e outras ficavam emocionadas. Tive apoio da produtora cultural e professora Irian Butel a qual prestou assessoria técnica na construção do projeto que alcançou aprovação. É um trabalho de autoajuda para os jovens se inspirarem”, disse.

Produção

O lançamento do álbum “Meu Eu, Nosso Eu” está previsto para acontecer em março de 2022. A produção está sendo realizada em Parintins, no Studio Ômega, e também conta com a participação de alguns músicos de Manaus.

Ele não escondeu a animação e espera que o público possa curtir seu novo trabalho. “Minhas expectativas são as melhores possíveis. E claro, peço que o povo curta esse trabalho e possam estar na audição para ver o resultado final. Confio em todos que estão na produção do álbum”, reitera.

O produtor musical Leonardo Pantoja, proprietário do Studio Ômega, falou um pouco do trabalho feito com Derick Tavares. “O álbum digital do Derick é uma produção minha juntamente com ele. É um trabalho de lançamento da carteira artística dele, então, tem todo um cuidado de criar uma identidade audiovisual no álbum. Está sendo um prazer muito grande de colaborar com novos artistas para que eles possam ter mais espaço, para shows, eventos e demais”, complementa.

Biografia

Derick Tavares nasceu em Parintins, mas ainda jovem, precisou morar em Manaus por causa dos estudos. O primeiro contato com a música aconteceu durante o projeto “Jovem Cidadão”, que era oferecido pelo Governo do Amazonas nas escolas da rede estadual de ensino.

Ele teve aulas básicas de violão, e quando voltou à Ilha Tupinambarana, passou a ter convivência ao lado de grandes músicos na cidade.

Aos poucos, Derick Tavares iniciou os primeiros passos na Igreja Católica e ganhou notoriedade em Parintins. O artista tem influência de artistas como Jorge Vercillo, Renato Russo e Ray Charles, além dos compositores parintinenses Paulinho Dú Sagrado, Chico da Silva e Marcos Lima.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

VOLTAR PARA O TOPO