Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
26 de janeiro de 2022
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Da Revista Cenarium*

MANAUS — O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta quarta-feira, 9, que a economia brasileira está “rebatendo” a crise causada pelo novo coronavírus de forma mais rápida do que o esperado. Por isso, acredita que o Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil vai cair menos que 4% neste ano.

“Eu esperava uma recuperação como se fosse um V partido, mas está vindo mais rápido até do que eu antecipava. As primeiras estimativas eram que o Brasil caísse 10% e agora está todo mundo revisando suas projeções. Está entre 4% e 5%, a maioria está pela metade. E eu ainda acho que vamos surpreender, que vai ser menor do que isso, porque estamos voltando forte”, afirmou o ministro, durante um evento promovido pelo Credit Suisse.

Guedes disse ainda que o ritmo da recuperação econômica brasileira só perde para o da China. E ele indicou que o responsável por essa retomada é o impacto positivo de programas emergenciais lançados em meio à pandemia, como o auxílio emergencial, o Benefício Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (BEM) e das linhas de crédito que focam nos setores mais atingidos pela Covid-19.

O otimismo de Paulo Guedes se baseia em indicadores como os do consumo de eletricidade, da arrecadação federal e da receita de vendas do varejo, que sofreram um grande choque no início da pandemia, mas já apontam para uma retomada a partir de maio e junho.

(*) Com informações da Agência Brasil