Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
28 de janeiro de 2022
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Da Redação

Tabatinga/AM – A Polícia Federal prendeu, em Tabatinga, no interior do Amazonas, 10 integrantes de uma associação criminosa que praticava atividades predatórias no Vale do Javari, O local é uma terra indígena demarcada e situada entre os municípios de Atalaia do Norte e Guajará. A prisão ocorreu no último dia 11 de abril.

Segundo agentes da Polícia Federal, próximos às margens do Rio Quixito (um dos afluentes do Rio Javari), havia uma casa que era utilizada pelo grupo criminoso para apoio logístico, e duas embarcações tipo canoão, dentro das quais haviam freezers que acondicionavam a carne decorrente das atividades predatórias.

Foram encontrados mais de 300 kg de carne fresca. Entre as espécies apreendidas estão carne de peixe, de paca, de veado, de jacaré e até mesmo de macaco.

Três animais vivos: um macaco preto, uma paca e um tracajá foram libertados. Houve também a apreensão de quatro espingardas, e 70 munições calibre 16, itens utilizados pelos criminosos na prática das atividades ilícitas.