Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
26 de janeiro de 2022
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Com informações da Agência Brasil

MANAUS – Professores, educadores e instituições de ensino que desejam utilizar o cinema como ferramenta para discutir questões socioambientais contam agora com uma plataforma de “streaming” totalmente gratuita e exclusiva, chamada “Ecofalante Play“.

O acervo tem mais de 130 filmes brasileiros e estrangeiros que abordam assuntos como emergência climática, consumo, cidades, energia, conservação, economia, trabalho e saúde. As obras foram selecionadas pela curadoria da Mostra Ecofalante de Cinema, evento com filmes de temática socioambiental que acontece anualmente desde 2012.

Entre os filmes disponibilizados no acervo está “Obrigado, Chuva“, de Julia Dahr, cineasta eleita pela revista “Forbes” como uma das 30 personalidades jovens. A cineasta acompanha um pequeno agricultor queniano para registrar os impactos das mudanças climáticas. 

Há também “Dolores“, de Peter Bratt, que retrata Dolores Huerta, líder trabalhista e uma das mais importantes ativistas dos direitos civis da história dos Estados Unidos.

Outro destaque é “Martírio“, dirigido por Vincent Carelli em colaboração com Ernesto de Carvalho e Tatiana Almeida. O filme, premiado no Festival de Brasília e na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, busca as origens do genocídio praticado contra os índios Guarani Kaiowá.

Para utilizar a plataforma, os professores e as instituições de ensino precisam fazer um cadastro disponível na Ecofalante Play. Após a aprovação do cadastro, será permitido o acesso ao catálogo de filmes e ao agendamento de uma sessão