Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
26 de janeiro de 2022
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Gabriel Abreu – Da Revista Cenarium

MANAUS – A Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) resgatou nessa segunda-feira, 6, um menino de 9 anos que estava sendo torturado pelo pai e a madrasta no bairro Gilberto Mestrinho, zona Leste de Manaus. Segundo a Polícia Civil, o menino era acorrentado para não comer o iogurte da irmã mais nova.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, a criança era acorrentada durante a noite e dormia assim e apanhava, constantemente, por qualquer motivo. Caso precisasse ir ao banheiro, por exemplo, ninguém o ajudava.

Além do menino de nove anos, moravam na casa ainda uma criança de oito anos, filho da madrasta da vítima, e uma menina de dois anos, filha do casal. “Apenas o menino era torturado. Ele morava com o pai há quatro anos após ser abandonado pela mãe. Na escola, ele não contava nada para ninguém por medo de apanhar em casa”, explicou Joyce.

A publicação da delegada Joyce Coelho no Instagram (Reprodução/ Instagram)

Em depoimento à polícia, o pai contou que acorrentava a criança todas as noites pelo fato de o menino urinar na cama da irmã mais nova e também tomar o iogurte dela.

O pai e a madrasta foram presos em flagrante e devem ser encaminhados ainda nesta terça-feira, 7, para audiência de custódia na Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde permanecerão à disposição da Justiça do Amazonas.