21 de janeiro de 2021

Caroline Viegas – Da Revista Cenarium

MANAUS – O Porta do Fundos voltou a ser polêmico entre internautas na redes sociais. O canal está sendo acusado de machismo após produzir e divulgar um vídeo ironizando a deputada Indaiara Barbosa (Novo), na noite do último domingo, 22. Não é a primeira vez que o canal é duramente atacado pelas sátiras, no ano passado durante o especial de natal da Netflix, Jesus era um personagem gay.

Na produção, a personagem Yollanda, que claramente faz alusão à deputada Indaiara, diz que se candidatou após ficar “doidona” em uma festinha do Partido Novo e cativar o presidente, que quis lançá-la como vereadora. No vídeo, ela também diz ter vazado o próprio nude.

“Eu tentei desistir da candidatura, mas o playboy lá do partido não deixou, disse que se eu conseguisse satisfazer um bando de bancário por 14 horas, eu ia satisfazer a elite curitibana como ninguém. Aí eu tentei soltar esse nude pra cancelarem”, ironiza.

Na legenda, a produção do canal escreveu: “Pela família curitibana brasileira, pelas casas de swing, pelos garotos de programa, pela galera do OnlyFans, pelo clubinho de BDSM e por todos os sigilosos, avisem ao povo que Yollanda está eleita!”.


Indaiara, que foi a vereadora mais votada de Curitiba, capital do Paraná, se posicionou na noite do último domingo, 22, alegando que com certeza a personagem do vídeo não é ela e lamentou o ocorrido. “É uma pena que o @portadosfundos associe o sucesso de uma mulher a alguma conotação sexual. Temos muito trabalho para mudar essa cultura retrógrada”, comentou.

A polêmica fez com que a hashtag machismo ficasse no topo dos assuntos mais comentados do Twitter na manhã desta segunda-feira, 23, e sacudiu completamente os internautas. O Youtuber Felipe Neto, famoso por seus views e posicionamentos na rede, foi um dos que criticou ocorrido.

“Eu acho o Partido Novo patético. Típica turminha neoliberaloide que sonha em ver ricos ficando mais ricos, enquanto grita ‘É meritocracia’ pros mais pobres. Contudo, o vídeo feito pelo Porta dos Fundos sobre a vereadora do partido foi inaceitável. Totalmente horrível”, twittou ele.

Na rede social, o Partido Novo também se posicionou com uma nota de repúdio. Veja:

Posicionamento do Partido Novo em seu perfil no twitter (Reprodução/ Twitter)
A publicação gerou polêmica de todos os lados. Veja alguns tweets:

Após toda a polêmica em torno do caso, o Porta dos Fundos decidiu retirar o vídeo do ar e se defendeu alegando que a publicação não condiz com o que acreditam e que a personagem é totalmente fictícia. Ainda, ressaltou que o Brasil precisa de mais mulheres na política.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.