28 de fevereiro de 2021

Gabriel Abreu – Da Revista Cenarium

MANAUS – Com a pandemia de Covid-19 e com o novo decreto governamental, os atendimentos presenciais no Fundo Previdenciário do Estado do Amazonas (Amazonprev) foram suspensos neste mês e passaram a ser online. Além disto, o diretor-presidente do órgão, André Zogahib, pretende ampliar o atendimento no interior do Estado.

Com o objetivo de melhorar o atendimento, de acordo com o diretor-presidente do órgão, há estudo para inaugurar polos de atendimento no interior do Amazonas em 2022. “Temos no nosso planejamento a expansão para o interior. A previsão era para inaugurarmos os polos de Tefé e Parintins ainda em 2021. Contudo, reprogramamos essa ação para 2022, em função da pandemia”, disse André Zogahib à REVISTA CENARIUM.

Sede da Amazonprev fica localizada na Zona Sul de Manaus (Divulgação)

Com a pandemia, os atendimentos passaram a ser online. Separados por prioridade, o beneficiário que necessita do atendimento deve entrar no site, de acordo com Zogahib. “Nós não estamos fazendo nenhum atendimento ao público, que todo atendimento que nós estamos fazendo é um atendimento virtual, pelo site [email protected], então, você baixa os formulários e envia para esse e-mail. De acordo com a situação, tem o rol de documentações que é exigido para que o segurado possa nos encaminhar solicitações por e-mail”, explicou.

Premiação

Em dezembro de 2020, o órgão recebeu o prêmio destaque Brasil de Responsabilidade Previdenciária – edição 2020 – da Associação Brasileira de Instituições de Previdência Estaduais e Municipais (Abipem).

A Amazonprev foi premiada pela boa gestão previdenciária desempenhada. O prêmio foi entregue durante o 53º Congresso Nacional da Abipem, em Fortaleza, no Ceará. Esta é a segunda vez que a instituição  concorreu ao prêmio, a primeira foi em 2019.

Segundo Zogahib, a fundação recebeu as premiações, pois tomou uma série de medidas e formulou o fluxo de processos para que pudessem agilizar o atendimento ao segurado. “Isso nos possibilitou primeiro mais transparência, então tem tudo que os cidadãos quiserem entender, compreender as aplicações dos recursos, no nosso orçamento, está tudo disponível no site da Amazonprev”, disse.

O órgão atingiu a maior nota do País entre outras instituições. “Pontuamos nesse item de maneira muito significativa, com a maior nota do Brasil, que foi nota A, uma pontuação elevada. A nossa capacidade de investimento melhorou muito, os resultados que obtivemos no pró-gestão foram também significativos e tudo isso em função dessa restruturação do fluxo dos processos e da cobrança que nós fazemos em casa setor”, completou.

Experiência

André Zogahib possui graduação em Direito pela Faculdade Martha Falcão Wyden, em Manaus, além da graduação em Administração de Empresas; comércio exterior pelo Centro Universitário de Ensino Superior do Amazonas; graduação em Administração Pública pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA); mestrado em Administração Pública pela Fundação Getúlio Vargas e doutorado em Administração pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Zogahib também é professor adjunto da Universidade do Estado do Amazonas e, atualmente, diretor-presidente da Fundação Amazonprev. Com o currículo amplo, André tem experiência nas áreas de Administração Pública e Privada, atuando principalmente nos setores de orçamento e finanças públicas; planejamento governamental, políticas públicas; direito administrativo; segurança pública e comércio exterior.