Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
28 de novembro de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE
image/svg+xml

Da Revista Cenarium

O presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, convocou para esta quarta-feira, 8, uma reunião extraordinária da Executiva do partido, segundo publicação na conta do Twitter da legenda. A ação ocorreu logo após o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), proferir um discurso golpista contra membros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Partido tucano se posicionou sobre declaração do presidente (Reprodução)

Segundo o texto, “diante das gravíssimas declarações do presidente da República no dia de hoje, [a reunião será para] discutir a posição do partido sobre abertura de impeachment e eventuais medidas legais.

O governador João Doria (PSDB-SP) voltou a criticar o governo Jair Bolsonaro em um post sobre o Dia da Independência, publicado, nesta terça-feira, 7, nas redes sociais. Neste 7 de setembro de 2021 foi marcado por uma série de manifestações pró e contra o governo federal em todo o País.

“Foi num grito de independência há 199 anos. Não podemos tolerar retrocessos”, disse o governador do Estado de São Paulo, no Twitter. “Que o Estado Democrático de Direito e os valores da liberdade sempre prevaleçam sobre o autoritarismo para que o Brasil volte a crescer…”, completou.

Um dos principais opositores de Bolsonaro, Doria também citou o Dia da Independência para dar recados ao presidente em outra postagem, dizendo que “o País vive seu pior momento desde a ditadura” e que “Não há espaço para flertes autoritários”.