23 de novembro de 2020

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC

Náferson Cruz – Da Revista Cenarium        

MANAUS –  “São as bolsas pagas pelo governo federal que estão sustentando o País, temos um enorme desafio para resolver que é a falta de emprego na cidade de Manaus”, disse o candidato a prefeito de Manaus, Alfredo Nascimento (PL), ao ser questionado pelo representante do Sindicato dos Economistas do Amazonas (Sindecon-AM), Marcus Evangelista, durante a Sabatina Técnica ‘Estúdio C’ da REVISTA CENARIUM.

Evangelista indagou Alfredo sobre o alto índice de desemprego na capital amazonense, baseado nas estatísticas do IBGE, que cresce exponencialmente de forma irregular. Em resposta, Alfredo destacou que uma das estratégias para solucionar esse estorvo na economia é a geração de emprego com o projeto ‘Banco Social’, pretendo gerar bolsas na ordem de quatro a cindo mil vagas no meu primeiro ano de governo. O projeto social gera muito emprego. Não vou fazer nenhuma construção no meu primeiro ano de governo. Vou investir muito em saúde e emprego. Hoje, a economia é sustentada pelas ‘bolsas’ do governo, portanto, temos que buscar outras alternativas”.

Força econômica

“Nossa Zona Franca de Manaus (ZFM) é uma ilha descolada da nossa realidade, mas nossa força econômica não tem relação com a cidade, os empresários não moram em Manaus e não têm interesse em veicular absolutamente nada, quem consome nossos produtos são pessoas de outros Estados. Precisamos defender cada vez mais a ZFM”, diz Alfredo, ao colocar a defesa do polo industrial como ponto fundamental para garantir emprego e renda.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.