Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
25 de junho de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Com informações do G1

SÃO PAULO – Subiu para 29 o número de mortos na operação no Jacarezinho da última quinta-feira, 6. Ao G1, a Polícia Civil do RJ informou neste sábado, 8, que “28 criminosos e o inspetor de polícia André Leonardo de Mello Frias morreram na operação”. Até essa sexta-feira (7), a polícia falava de 27 criminosos mortos, além de Frias.

Até a última atualização desta reportagem, mais de 48 horas depois do início da operação, a polícia ainda só tinha divulgado o nome de 3 mortos:

  1. Isaac Pinheiro de Oliveira, o Pee da Vasco;
  2. Richard Gabriel da Silva Ferreira, o Kako;
  3. Rômulo Oliveira Lúcio, o Romulozinho.

Os três constam da lista de 21 denunciados pelo Ministério Público por tráfico de drogas e eram procurados pela polícia. A investigação aponta que eles eram “soldados” do tráfico, atuando como braço armado da organização criminosa no Jacarezinho.

‘Todos são traficantes’

Em discurso durante o sepultamento do inspetor nessa sexta, 7, o secretário de Polícia Civil, Allan Turnowski, elogiou a ação da polícia no Jacarezinho e disse que informações do setor de inteligência da corporação identificaram que — até então — todos os 27 considerados suspeitos que morreram eram traficantes.

“A inteligência já confirmou todos os mortos como traficantes, 19 com folhas corridas até agora”, disse o secretário. “Não foi em vão, André, não foi em vão”, disse, encerrando seu discurso com aplausos.