30 de novembro de 2020

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC

Com informações da Fórum

O cantor, compositor e escritor Tico Santa Cruz anunciou em sua conta do Instagram, nesta sexta-feira, 20, que sua editora, a Belas Letras, vai deixar de vender não só seus livros, mas todo o catálogo, tanto nas prateleiras das lojas físicas quanto na internet.

“A editora que publica meus livros se manifestou e vai deixar de vender não só os títulos que pertencem a minha autoria, mas o de TODOS os autores e autoras que fazem parte da Editora Belas Letras”, disse o cantor.

A seguir, ele publica nota da editora. Veja abaixo:

A gente queria falar sobre os negros começando a ocupar os espaços de poder, mas estamos de luto.

Enviamos agora à tarde uma circular a todos os nossos distribuidores e parceiros comerciais solicitando que recolham imediatamente todos os livros da Belas Letras que ainda se encontram à venda nas prateleiras físicas e no marketplace do Carrefour.

Manteremos esse posicionamento até que a marca demonstre para a sociedade que está implementando medidas reais para combater o racismo nas suas unidades.

Barbárie em Porto Alegre em plena véspera do feriado pelo Dia da Consciência Negra. Dois seguranças da loja do Carrefour no bairro de Passo D’Areia espancaram um homem negro, identificado como João Alberto Silveira Freitas. A vítima tinha 40 anos e morreu em decorrência da agressão que sofreu.

Relatos de testemunhas afirmam que o espancamento teria sido justificado por uma suposta discussão entre a vítima e uma mulher que seria funcionária do supermercado. Segundo o Zero Hora, uma testemunha contou que João Alberto teria ameaçado a agredir a mulher, mas depois foi embora, mas acabou sendo seguido pelos seguranças, que depois o agrediram.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.