20 de outubro de 2020

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC

Vanessa Taveira – Da Revista Cenarium*

MANAUS – Os famosos ônibus panorâmicos que operam na rota dos principais pontos turísticos da capital amazonense devem retornar oficialmente no próximo dia 10 de outubro, de acordo com informações Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur).

Com partida do Largo de São Sebastião, o roteiro vai incluir a área portuária do Centro Histórico de Manaus, Arena da Amazônia, Complexo da Ponta Negra e Ponte Rio Negro. 

Segundo a presidente da Amazonastur, Roselene Medeiros, por conta da pandemia do novo Coronavírus, serão fixados nos ônibus avisos sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras, além do distanciamento nos assentos e o uso de álcool em gel para higienizar as mãos. “Tudo para respeitar os protocolos de biossegurança criados pela Amazonastur com base nas orientações das autoridades de saúde”, ressalta.

Já o presidente da Amazonas Cluster de Turismo, Ricardo Pedroso, destacou a importância do retorno do serviço. “Primeiro é um presente para a cidade e para o Estado retornar agora, por meio da iniciativa privada. Acho que o trade está contente com essa volta do ônibus e torcendo para que dê certo”, disse. 

Redução

A KF Transportes e Turismo Eireli, empresa que vai operar o serviço, optou por iniciar as atividades do city tour no dia 10 de outubro e, somente, aos sábados, até que os registros diários de novos casos da Covid-19 reduzam, segundo o representante da empresa, Wolner César. 

“Vamos analisar esses próximos 30 dias que provavelmente vai normalizar a questão da pandemia e a tendência é fazermos quinta, sexta e aos domingos também. Nós estamos tendo muito cuidado, mesmo sabendo que é um ônibus panorâmico e foge do tradicional dos ônibus fechados”, disse Wolner ao ressaltar que no início dos passeios, a lotação será de 50% da capacidade máxima do veículo. 

Contrato

Após três concorrências públicas desertas – ou seja, sem nenhuma empresa interessada na concorrência –, a KF Transportes e Turismo Eireli foi contratada por meio de dispensa de licitação, com base no Artigo 29, inciso III, da Lei nº 13.303/2016. 

O prazo do contrato é de cinco anos, prorrogável por igual período e por uma única vez. Durante esse período, por mês, a empresa pagará parcelas mensais de R$ 2 mil. Além disso, a KF irá repassar para a Amazonastur 10% do faturamento mensal. 

O contrato determina que fica a cargo da empresa a realização de serviços de manutenção corretiva, periódica e preventiva dos dois ônibus. Em caso de descumprimento das cláusulas, a KF pode ser multada em até 20% sobre o valor global do contrato. 

Pacotes

Para adquirir os pacotes e obter mais informações sobre os roteiros, a empresa disponibiliza os telefone (92) 98807-5519, 99245-9009 ou 92 991278529, o Instagram @kfturismomanaus e o e-mail [email protected]

(*) Com informações assessoria

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.