Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
16 de novembro de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE
image/svg+xml
Marcela Leiros – Da Revista Cenarium

MANAUS – Um vídeo que circula nas redes sociais mostra uma abordagem violenta da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) na cidade de Itabira. As imagens mostram um policial derrubando uma mulher no chão para ser algemada, no mesmo momento em que ela segurava uma criança de colo. O caso ocorreu na sexta-feira, 5, e resultou na prisão de um homem de 25 anos e da mulher, de 18 anos.

Nas imagens é possível observar que outra criança, um menino, acompanhava a mulher. Ele tenta intervir na prisão, mas um dos policiais o empurra. Depois, algumas pessoas, que estão no local observando a ação, conseguem conter o garoto e tentam, sem sucesso, conter a violenta abordagem dos policiais.

Após a circulação do vídeo nas redes, a Polícia Militar divulgou nota informando que presos estavam com porte ilegal de arma de fogo e munições. Para impedir a apreensão, segundo as autoridades policiais, o homem colocou a arma na bolsa da mulher, quando esta se agarrou às crianças, usando-as como escudo.

“Assim, a mulher foi projetada ao solo e imobilizada, numa queda controlada, nenhuma lesão sofrendo a criança”, diz a nota.

O prefeito da cidade de Itabira, Marco Antônio Lage, também emitiu uma nota nas redes sociais sobre o caso. As lamentáveis cenas que já circulam nas redes sociais e sites de notícias de todo o País precisam ser apuradas com rapidez e rigor”, cobra ele.

Veja a nota da Polícia Militar de Minas Gerais na íntegra:

“No início da noite desta sexta-feira, 05/11/21, na cidade de Itabira, a Polícia Militar realizou a prisão em flagrante de um casal por porte ilegal de arma de fogo e munições.

Durante a abordagem foram apreendidas quatro munições calibre 32 com o homem. Para impedir a apreensão da arma de fogo que estava consigo, a mulher se agarrou a uma criança, usando-a como escudo humano e se recusando a largá-la.

Além da arma de fogo e das munições, uma touca ninja também foi apreendida com o casal”.

Veja a nota do prefeito Marco Antônio Lage Gerais na íntegra:

“Com a responsabilidade de prefeito municipal, manifesto minha repulsa diante das imagens de uma abordagem policial, ocorrida no início da noite, em Itabira. Este não é o procedimento padrão das nossas escolas militares e do comando geral da corporação. Precisamos e apoiamos uma PM parceira da comunidade e que saiba lidar com situações limites. Especialmente, em se tratando de ocorrências envolvendo mulheres e crianças”.