Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
18 de novembro de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE
image/svg+xml

Com informações assessoria

MANAUS – No próximo dia 21 de outubro, o autor amazonense Bosquinho Poeta lança seu terceiro livro de poesias, intitulado “Sentimentalidades da Alma”, na Sala de Música do Palácio da Justiça, às 18h. A publicação traz poemas que abordam temas do cotidiano do poeta, tais como o amor e admiração pela natureza, pela mulher, pela cidade de Manaus e ainda à Maçonaria, da qual é membro.

Na oportunidade, o poeta ainda fará uma ação solidária, pois todo o valor arrecadado com a venda de exemplares será doado à Instituição Fraternidade dos Amigos e Irmãos da Caridade (Faic), que ajuda pessoas em situação de vulnerabilidade.

Para o poeta, o lançamento da publicação é aguardado com muita ansiedade (Divulgação)

Para o poeta, o lançamento da publicação é aguardado com muita ansiedade. “Será um momento especial, cuja expectativa invade meu coração por saber que poderei partilhar com a sociedade versos tão queridos que emanam de minha sensibilidade e abordam temas que norteiam a minha vida, como o amor à família, aos amigos, irmãos de Ordem e a admiração pela natureza”, conta.

Conhecido no mundo do samba, Bosquinho Poeta é um dos compositores do Grêmio Recreativo Escola de Samba Reino Unido da Liberdade, tendo participado da composição de sambas campeões do Carnaval Amazonense de 2016, 2017, 2018, 2019.

“Sempre olhei o mundo com sensibilidade para as dádivas divinas. A lua, o pôr do sol, a natureza são minha fonte de inspiração, e assim vou compondo as poesias sobre o que cerca a minha vida e a minha rotina. Sempre busquei estar cercado pela arte e pela poesia, que são formas de reconhecermos a grandeza de nosso Criador”, disse.

Homenagem

No Carnaval de 2022, a vida e a obra de Bosquinho Poeta serão tema do samba-enredo do Grêmio Recreativo Dragões do Império, escola tradicional do bairro São Jorge, em Manaus. “Foi um convite que me deixou bastante emocionado. O samba sempre fez parte de minha trajetória. Sempre trabalhei para que o brilho de nosso carnaval fosse reconhecido. O Amazonas é um celeiro de artistas valorosos e nossa arte precisa ser conhecida e valorizada. Estou preparando meu coração para esse momento especial”, revela.

Sobre o autor

João Bosco Rocha (Bosquinho Poeta) é natural de Manaus, autor dos livros “Memórias Poéticas de Um Sonhador” (2003, 2006) e “O Testemunho das Estrelas” (2015). Tem poemas publicados nas antologias “Poiesis” Vol. 3 (2021), “Coletânea Imortais IV” (2021), “O melhor poeta contemporâneo” (2020) e “A imortalidade amazônica” (2017).

Empresário, poeta, escritor e compositor, é formado em Administração e pós-graduado em Gestão Ambiental. Atualmente, é membro da Academia de Letras do Brasil (ALB), da Academia de Letras e Culturas da Amazônia (Alcama), da Associação Brasileira de Escritores e Poetas Pan-Amazônicos (Abeppa), Acadêmico Imortal da Academia Intercontinental Sênior de Literatura e Arte (Aisla) e da Academia Amazonense Maçônica de Letras (AAML).

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.