Professora é denunciada por sugerir que aluna alisasse o cabelo para ‘agradar meninos’

Com informações do Infoglobo

SÃO PAULO – A Polícia Civil e a Secretaria de Educação investigam uma denúncia de injúria racial que teria ocorrido em uma escola estadual de Jundiaí (SP). Segundo apurado pela TV TEM, uma professora de geografia teria dito que as meninas precisam se cuidar mais para agradar os meninos e citou uma aluna negra de 12 anos, com cabelo crespo, sugerindo que ela deveria fazer chapinha.

Além disso, a docente teria dito que “olhos claros não combinam com cabelo crespo” e que a aluna deveria “fazer um alisamento ou passar um creme porque o cabelo estava muito bagunçado”.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado pela família, a menina ficou constrangida com a situação e postou um vídeo nas redes sociais, dizendo que tem orgulho do próprio cabelo.

A Secretaria de Educação informou que não compactua com este tipo de situação e que o contrato com a professora foi encerrado.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

VOLTAR PARA O TOPO