Medidas de prevenção do Covid-19 em cadeias do Amazonas são avaliadas

Da Revista Cenarium

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), representada pelo delegado-geral adjuntoTarson Yuri Soares,participou de uma reunião, via teleconferência e promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), para o alinhamento de medidas de prevenção de combateao novo coronavírus (Covid-19) no que diz respeito aos presos.

A reunião contou com as participações do desembargador Sabino Marques,presidente do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário do Estado do Amazonas; Ricardo Peres, coordenador estadual do programa ‘Justiça Presente’ e Luana Marley Oliveira, advogada dos Direitos Humanos,que, juntos,debateram as novas medidas para conter o risco de contaminação pelo novo coronavírus, no sistema prisional.

Durante a reunião, uma das medidas aprovadas, é a elaboração de um formulário que deve conter informações sobre a saúde da pessoa que será apresentada. O objetivo é preservar ao máximo a saúde dos servidores da PC-AM, da populaçãoe dos próprios presos. O documento deve conter: endereço residencial, locais por onde circula, histórico de saúde doenças pré-existente e demais informações.

Para o delegado-geral adjunto Tarson Yuri Soares, as informações colhidas naquele momento, vão permitir uma atenção maior e devem funcionar como alerta. “Tudo isso vai permitir que possamos tomar os devidos cuidados na preservação da saúde de nossos servidores e da população que terá contato com essas pessoas detidas ou daqueles que serão encaminhadas aos presídios estaduais”.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

VOLTAR PARA O TOPO