Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
16 de setembro de 2021
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE
image/svg+xml

Victória Sales – Da Cenarium

MANAUS – Por conta da pandemia do coronavírus, os parques nacionais de Unidades de Conservação (UCs), principalmente do Acre, não receberam visitas em 2020, mas o que chamou a atenção dos especialistas foi o número de visitantes na Reserva Extrativista (Resex) Chico Mendes, que chegou a um total de 10.375 mil turistas entre 2018 e 2019.

De acordo com o instituto, no total, quase 13 mil pessoas visitaram as Unidades de Conservação (UCs) do Estado, entre: Parque Nacional da Serra do Divisor, Floresta Nacional Macauã, Flona de São Francisco, Reserva Biológica do Rio Acre, Floresta Nacional Iquiri e Resex Cazumbá-Iracema e a Resex Chico Mendes.

Em 2020, o Plano Nacional fechou com parques recebendo mais de oito milhões de visitas. Depois de serem fechadas por conta da pandemia da Covid-19, as unidades federais se abriram, mas de maneira gradual no mês de junho. Mas esse cenário é ajustado de acordo com os decretos colocados pelos governos e conforme o potencial de visitação dos atrativos.

Reconhecimento

Para a filha do ativista Chico Mendes, Angela Mendes, ter uma UC com o nome do pai representa o resultado de um longo processo de organização e mobilização do seringueiros e de todos os parceiros e apoiadores conquistados ao longo dessa luta, e não foram poucos nem poucas. “Representa uma conquista que custou a vida de meu pai, mas que tenho quase certeza, que se ele tivesse que morrer novamente para que mais reservas fossem criadas e implementadas como deve ter sido seu sonho ele morreria, mas apesar disso acredito que ele tinha muitos planos ainda onde a conquista das Resexs seria apenas o primeiro passo, o mais decisivo, mas não o último”, explicou.

Dados divulgados pelo ICMBio (Reprodução/Internet)

Histórico

A Área de Proteção Ambiental (APA) da Baleia Franca, localizada em Santa Catarina, pela primeira vez deu início ao monitoramento em 2020 e já aparece no ranking das mais visitadas. Segundo o instituto, o verão ajudou a colocar a APA na lista, com mais de três milhões de visitas.

Em meio à crise sanitária causada pelo coronavírus, as Unidades de Conservações mais visitadas mantiveram o número em alta, por exemplo, o Parque Nacional da Tijuca, no Rio de Janeiro, que ocupa o primeiro lugar na categoria, com 1,2 milhões de visitas, seguido pelo Parque Nacional do Iguaçu, localizado no Paraná, com apenas 700 mil turistas.

Após a reabertura, os dados de visitação apontaram um aumento até o final do ano, o que não ocorria nos anos anteriores.

Chico Mendes

Francisco Alves Mendes Filho, também conhecido com Chico Mendes, foi seringueiro, sindicalista, ativista e ambientalista. Traçou lutas a favor dos seringueiros que dependiam da preservação da floresta. O ativismo feito pelo ambientalista lhe trouxeram reconhecimentos internacionais, mas em contrapartida trouxe diversos conflitos com fazendeiros locais, que o assassinaram.

Foi entre 1987 e 1988 que Chico Mendes foi premiado pela luta que vinha fazendo. Recebeu o Global 500 da Organização das Nações Unidas (ONU), medalha de Meio Ambienta da Better World Society, nos Estados Unidos, e após a sua morte, diversos parques e instituto, como o ICMBio foram criados em sua memória.