2 de março de 2021

Com informações da UOL

RIO – A paz que reinava no Flamengo após a vitória por 2 a 0 sobre o Palmeiras foi abalada pela visita surpresa do presidente Jair Bolsonaro, que esteve no treino rubro-negro da última sexta-feira, 22. A chegada da comitiva presidencial ao CT do Brasiliense não estava na agenda, tanto que o presidente Rodolfo Landim já havia voltado ao Rio de Janeiro. Em sua ausência, coube ao vice de futebol Marcos Braz, informado cerca de uma hora antes, fazer as honras da casa.

Diante da saia justa, o rubro-negro se viu sem saída e teve de abrir as portas para a maior autoridade do País, que convive com queda de sua popularidade e uma crise sanitária causada pelo surto da Covid-19.

Ao lado do dirigente, Bolsonaro posou para fotos com Filipe Luís, Arão, Diego Alves, Gabigol, Diego Ribas, além do diretor Bruno Spindel. Jogadores como Pedro cumprimentaram o presidente, mas não posaram para a foto. Atletas como Gerson, Everton Ribeiro e Rodrigo Caio, por sua vez, mantiveram distância.

Durante os 30 minutos de visita, a conversa foi animada e não havia uma pessoa sequer com máscara no ambiente. O Flamengo fez imagens do encontro, mas preferiu não dar publicidade em suas redes sociais. O clube avaliou os danos e entendeu que a melhor coisa a se fazer era não misturar as estações. Em setembro, o Fla demitiu o funcionário que registrou uma imagem do time aglomerado no avião

As imagens foram vazadas por membros da caravana presidencial, que chegaram em quatro carros ao local. Todos estavam sem equipamentos de proteção e os flagras rapidamente circularam entre perfis simpáticos ao mandatário. O elenco estava na academia quando Bolsonaro, assessores e seguranças apareceram.

Este novo episódio de aproximação entre clube e Bolsonaro causou indignação no grupo político “Flamengo da Gente (FdG)”, que divulgou nota oficial de repúdio.

“Enquanto em uma das cidades mais rubro-negras do Brasil, Manaus, falta até oxigênio aos pacientes — com criminosa contribuição do governo Bolsonaro e sua política negacionista para o enfrentamento do coronavírus -, causam assombro e indignação as imagens registradas hoje durante o treino do Flamengo em Brasília”, destacou o comunicado do FdG.

De olho no Athletico, rival deste domingo, 24, na Arena da Baixada, o rubro-negro treina hoje em Brasília e embarca para Curitiba após o almoço. O Fla está a quatro pontos do líder Internacional.