19 de setembro de 2020

Dólar

Euro

Manaus
23oC  29oC

Bruno Pacheco – Da Revista Cenarium

MANAUS – O governador Wilson Lima (PSC) entregou na manhã desta segunda-feira, 14, granadas, escudos, capacetes balísticos, munições, 111 fuzis, Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) de prevenção à Covid-19 e mais de 500 computadores para policiais do Segurança Pública atuarem no combate ao crime organizado no Amazonas.

De acordo com Wilson Lima, a determinação é para que a secretaria de Segurança haja com o rigor necessário no combate à criminalidade, pois o Estado está trabalhando para oferecer toda a estrutura aos policiais.

“Estamos dando toda a estrutura para que os nossos policiais possam atuar de forma contundente contra a criminalidade e essa guerra nós estamos vencendo”, disse Lima.

Segundo o governador, o pacote de investimentos é resultado de uma parceria e de um apelo que o Governo do Amazonas tem feito, constantemente, para o Governo Federal, em busca de suporte necessário para fazer a guarnição das fronteiras do Estado e combater a entrada de produtos ilegais na região.

“A nossa base Arpão, que foi inaugurada recentemente, está com 30 dias funcionando lá no Médio Solimões, já deu uma represada nessa questão do tráfico de drogas e outros ilícitos, com a apreensão de drogas, caças, biopirataria e de outros produtos que entravam com facilidade na nossa fronteira”, disse Lima. “Temos muito ainda a avançar na área de segurança, mas as ações que nós estamos tomando, nos indicam que a gente tem seguido o caminho certo no combate à criminalidade”, continuou.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Ayrton Norte, reforçou que os equipamentos serão essenciais para proteger a população e combater a criminalidade nas ruas de Manaus. “Nosso retorno será com trabalho em defesa da população do Amazonas”, destacou.

O secretário de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), coronel Louismar Bonates, relembrou a importância do apoio no combate ao crime organizado no Amazonas, principalmente, com programas como a “Base do Arpão” e “Rocam Motos“, que vêm sido desenvolvidas pelo Estado.

“Há um mês estávamos lançando a Base do Arpão, que tem sido uma aliada muito grande à segurança pública. Todo dia apreende drogas, combate crimes ambienteis. Em pouco mais de um mês, demos um lucro negativo para o tráfico de quase R$ 4 milhões”, pontuou.

“Hoje estamos entregando 111 fuzis para a Polícia Militar e Polícia Civil, sendo desses, cinco fuzis especiais e um deles, inclusive, sniper (armamento usado para tiros de longa distância) para a campanha de operações especiais; coletes antibalísticos, muita munição e outros equipamentos, e equipamentos de proteção individual”, destacou Bonates

Novos armamentos

Wilson Lima anunciou ainda o lançamento de uma licitação internacional para a compra de 500 espingardas, calibre 12, semi-automáticas e 3.800 pistolas para a Polícia Militar e Polícia Civil do Amazonas.

“Tudo isso será importante para que o policial que esteja na, esteja preparado para combater a criminalidade. Além de outras estruturas que nós estamos montando, sobretudo, com o uso da tecnologia, para fazer com que os crimes tenham uma resolutividade maior e que a nossa polícia possa agir com mais rapidez”, explicou.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.