Participe do nosso grupo no Whatsapp Participe do nosso grupo no Telegram
29 de janeiro de 2022
Ainda não é assinante
Cenarium? Assine já!
ASSINE

Com informações da assessoria

MANAUS – As formas de relacionamentos se tornaram, cada vez mais, virtuais e o uso de aplicativos de namoro aumentou consideravelmente, porém, muitos golpistas se aproveitam dessa nova maneira de se relacionar para aplicar o chamado “Golpe do Catfishing”. Com base nesses dados, a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Cibernéticos (Dercc), explica o que é esse golpe e como proceder, caso seja vítima.

Catfishing, que, em tradução literal, significa “pesca gato”, é um termo usado para se referir a pessoas que criam perfis falsos na internet para enganar outros usuários. Os criminosos demonstram interesse na pessoa e, após conseguir a confiança da vítima, eles começam a solicitar quantias em dinheiro.

O delegado Reinaldo Figueira, titular da Dercc, explica como agem esses criminosos e por qual motivo esse golpe tem se tornado tão comum. “Com o isolamento social, causado pela pandemia da Covid-19, as pessoas começaram a utilizar, ainda mais, as redes sociais, inclusive para relacionamentos. De certa forma, isso atraiu pessoas mal-intencionadas, que se utilizam de fotos e até informações de terceiros, para aplicar esse golpe”, explicou Figueira.

Dicas

Para evitar ser vítima, o delegado aconselha que antes de começar um relacionamento com alguém pelas redes sociais, é importante fazer uma avaliação do perfil da pessoa, nunca passar informações pessoais para quem está do outro lado da tela e verificar se ambas possuem amigos em comum.

“Caso haja uma certa intimidade com a pessoa, solicite uma ligação ou chamada de vídeo, para se certificar de que aquele indivíduo é quem ele diz ser. Ressalto que nunca devem ser repassados dados pessoais, como número do CPF, cartão de crédito, além de evitar relatar seu dia a dia, como, por exemplo, os lugares que você frequenta ou onde trabalha, e desconfie, caso a pessoa peça dinheiro”, esclareceu o titular da Depca.

Evite enviar fotos íntimas para o seu companheiro (a) do outro lado da telinha, pois, caso seja um golpista, ele pode se utilizar dessas fotos para fazer chantagens, com o intuito de conseguir uma quantia maior de dinheiro. A melhor forma de proteção é sempre se manter bastante atento às informações e perfis que são criados ou postados no meio digital. Evitando assim, danos tanto materiais, quanto sentimentais.

Caso famoso

Um caso recente que ganhou as redes foi o de um jogador de vôlei italiano que caiu em um golpe de 700 mil euros e passou 15 anos acreditando que namorava à distância a modelo brasileira Alessandra Ambrósio.

Registro da ocorrência

As pessoas que tenham sido vítimas desse delito, podem se dirigir à Dercc, localizada na Avenida Pedro Teixeira, bairro Dom Pedro, Zona Centro-Oeste da capital, ou registrar a denúncia, por meio da Delegacia Virtual (Devir), por meio do endereço eletrônico, e anexar provas como prints, boletos falsos e outros documentos.